O golpe confirma sua principal ferramenta.

Não bastou o golpe parlamentar orquestrado pelas elites deste país para destituir uma presidente eleita pela maioria da população, com desculpas jurídicas que ridicularizaram o país perante o mundo.

Não bastou a também ridícula cena deste golpe parlamentar protagonizada pelos deputados federais e senadores, todos também eleitos por maiorias.

Não basta o golpe trabalhista e previdenciário que vem sendo executado com extremo cinismo pelos mandatários empossados desde 2016.

Não bastam os ataques de ódio que resultaram de todo esse processo vil.
Não basta aplacar a derrota pela força contra o povo brasileiro.
Nada disso bastou.

Para eles, ainda é necessário dar um jeito de acabar com as lideranças populares que se atreveram a confrontar o status quo estabelecido pelas elites.

A mídia se encarregou disso, com afinco… mas não somente.
A principal arma deles é a lei, essa pode dar um jeito de marcar a ferro e fogo as testas dessas lideranças. Como faziam antes com os Ecravos que ousavam fugir para a liberdade e eram recapturados, recolocados em seus lugares, devidamente ferrados com um ‘F’ na testa.

Assim é usada agora a lei e o judiciário neste país, como ferramenta que marca e expõe em praça pública aqueles que ousam pensar diferente da casa grande. Os capatazes da vez são os juízes e sua classe.
Razão nenhuma se vê em nosso judiciário que agora está devidamente exposto como arma das elites, após o absurdo “julgamento” de Lula sem provas, apenas convicções estratégicas. Com vários pesos e várias medidas, com parcialidade absoluta para com os seus.

Triste momento este para o povo que se encontra em processo de expulsão da vida democrática.

Nestes dias o ódio daqueles que são ou se pensam dominantes irá desfilar por aí… e o estado de exceção que vem sendo aos poucos imposto à população vai demostrando sua avarenta face.

Para ilustrar este argumento não é preciso muito, apenas olhe à sua volta.
Abaixo sugerimos um artigo e um fato para que entenda melhor nosso ponto.

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/confirmado-o-estado-de-excecao-e-nosso-dever-moral-e-obrigacao-desobedecer-por-carlos-fernandes/

Anúncios

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s